terça-feira, 30 de setembro de 2008

- Pesca Noturna -

Óleo sobre tela - 20 x 30 cm - 2006
Clique na imagem para ampliá-la
Esta pequena tela é na verdade uma versão melhorada da minha primeira pintura vendida. Nesta época eu estava formando turmas para o curso de introdução à pintura onde eu ensinava o que uma pessoa precisava saber para se aventurar no mundo da pintura. Era um curso rápido (2 meses, mais ou menos) por um preço quase simbólico, como forma de tornar a arte mais acessível a todos os interessados na cidade. Como forma de atrair o pessoal, para cada técnica que eu ensinava, eu pintava uma tela na hora e sorteava para um dos alunos do curso. Funcionava! As telas eram fornecidas por uma papelaria da cidade que, em troca, via o aumento das vendas do seu material de pintura. Esta tela foi uma delas, o que explica um pouco o fato dela ser tão pequena.


A primeira tela (a que eu vendi) não tinha muita diferença para esta, com exceção da lua no céu. Basicamente, foi esta a grande diferença de uma pra outra, mas na verdade, esta saiu muito melhor porque eu já tinha mais domínio de muitas técnicas, obviamente. Normalmente isto acontece com o tempo... sempre aparece algum detalhe daquele trabalho que parecia ótimo, mas que olhando uma segunda vez, poderia melhorar mais. Nós vamos mudando, nossos conceitos vão mudando e acaba se tornando natural que os "erros" que antes passaram sem ser notados sejam claramente vistos depois.

O próprio Picasso dizia (de novo, ele!) que uma tela nunca está terminada, acredito que analisando por este mesmo ângulo. É a maldita busca pela perfeição! Mas é claro que não dá pra ficar sempre mudando um trabalho... ele é a prova de que naquele tempo, as coisas eram daquele jeito sob a nossa visão de então. Mas enfim, ao meu ver esta pintura cumpriu o seu papel.


Licença Creative Commons
Pesca Noturna de Eduardo Cambuí Junior é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Vedada a criação de obras derivativas 3.0 Unported.

4 comentários:

  1. Essa tela é...Ótima!
    Deixa eu substituir a "Cely" por ela? Deixou. Rssss. Obrigada, Bjsss

    ResponderExcluir
  2. E aí Malcriador.
    Tamanho não é documento, Dalí fez varias deste tamanho, que até hoje são reverenciadas.
    Seu tema é a cara da simplicidade do sertanejo brasileiro, um peixinho pro jantar, e uma reflêxão infinita...mais que isso, pra que?

    P.S.: Você tá na minha frente, até agora não vendi nada, acho que vou pintar uns girassóis, que tal?

    ResponderExcluir
  3. Antes de lhe mandar um abraço , quero dizer ao Senhor do Vale que o importante está na orelha, os girassóis é uma finta. Aprecio a calma e a serenidade do tema. Uma amiga fotografa, fez um conjunto sobre o tema dos sete pecados, e logo na primeira fotografa, colocou como titulo de fundo “ a Preguiça ou Acedia “… o que assinalei posteriormente teria que a levar a incluir nove pecados originais e não sete. A sua tela deixa espaço a contemplação, ao tal life robbing dreariness. Muitas vezes as confusões são apenas lacunas de um conhecimento próprio que requer esta mesma introspecção que só o tempo nos permite adquirir. Um abraço amigo.

    P.S.: tem toda a razão, é realmente complicado dizer “basta, até que enfim”. Aconteceu-me varias vez dizer isso, mas apenas, quando passado dezenas de horas, não via como acabar uma tela , e acabava por a deitar fora.

    ResponderExcluir
  4. Amigo:
    Devido a problemas de foro íntimo, não sei quando poderei postar, por isso postei hoje. Há novidades. E virei para conferir se estão indo visitar-me. Apareça.
    Um abraço,
    Renata
    wwwrenatacordeiro.blogspot.com
    Vc está representado com esta obra

    ResponderExcluir

Seu comentário será sempre bem-vindo. Assim que for possível, eu retorno!