quinta-feira, 16 de outubro de 2008

- Horário Nobre -

Giz pastel oleoso - Tamanho A4 - 2007
Este é um trabalho em que eu acho que consegui passar exatamente o que eu mais procuro dentre as artes (não importa se é cinema, pintura, teatro, música, etc), que é o universalismo do tema. É muito bom conseguir resultados assim já que pinturas ou desenhos do tipo não precisam de tradução, pois são cenas que acontecem em qualquer canto do mundo, ao meu ver. Os meus trabalhos sempre são feitos tendo esse fundamento como base, mas nem sempre conseguimos alcançar o resultado. Quando conseguimos é muito gratificante porque além de sair como era esperado, notamos o alcance da imagem na reação que as pessoas tem quando as vêem.



Como vocês podem ver, o desenho retrata uma cena bem comum na maioria dos lares por aí que é o famoso horário nobre, com alguém vidrado na TV vendo sua novela (neste caso, no Brasil), filme, seriado ou qualquer outra coisa do tipo. Eu acho que mostra muito claramente também a personagem bem à vontade, criando então um clima bem agradável, até familiar eu diria. Este desenho foi feito numa época em que eu tinha deixado de lado a pintura em tela para fazer mais trabalhos com o giz pastel. O ano de 2007 não foi muito produtivo, artísticamente falando, pois não pintei tela nenhuma, fazendo apenas os desenhos em pastel, mas ainda assim me serviu bastante para melhorar meu senso de observação, composição de cores, etc.

Para compor a cena, não tive outra escolha senão tomar minha própria casa como modelo, com alguns objetos que realmente existem e outros que inventei, assim como a personagem que também foi inventada.


Licença Creative Commons
Horário Nobre de Eduardo Cambuí Junior é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Vedada a criação de obras derivativas 3.0 Unported.

4 comentários:

  1. Oi, amigo:
    Pus essa sua nova obra no meu novo post. Vá vê-la.
    Um beijo,
    Renata

    ResponderExcluir
  2. Esta obra é simplesmente perfeita.

    Tive a felicidade de encontrar este blog e não faço intenções de o deixar de visitar.

    http://desabafos-solitarios.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Amigo, já comentei e até postei essa obra de arte.
    Venho dizer-lhe que tenho um novo Blog chamado "Resenhas antigas", onde postei agora as resenhas de maio (Across the universe, Blade Runner, Asas do Desejo e a sinopse de Cidade dos Anjos). Eu as tinha retirado do Galeria porque ia fechá-lo. Não o fechei e a única solução para postar as resenhas de maio a setembro foi fazer um novo Blog. Também reforço o convite para apreciar meu novo post na Galeria.
    Um beijo,
    Renata Cordeiro

    ResponderExcluir
  4. Este blog encanta os olhos e o coração.Parabéns. Arte é beleza e vida!

    ResponderExcluir

Seu comentário será sempre bem-vindo. Assim que for possível, eu retorno!