quarta-feira, 24 de novembro de 2021

- Exposição 2º Simpósio Internacional Virtual de Esculturas e Pinturas "Liber Arte" -


Teve início no último domingo (21 de novembro) o 2º Simpósio Internacional Virtual de Esculturas e Pinturas "Liber Arte", realizado a partir de Buenos Aires, Argentina, com organização do grupo ART en VIVO Internacional. A exposição conta com a participação de 68 artistas de 19 países, que além dos argentinos, há representantes de Colômbia, Costa Rica, Cuba, El Salvador, Peru, Uruguai, Chile, Bolívia, México, Venezuela, Honduras, Espanha, Itália, Alemanha, Áustria, Rússia, Sri Lanka e eu pelo Brasil. O evento ocorrerá do dia 21 à 28 de novembro, onde através do grupo de Facebook dos organizadores, cada artista participante postará cada etapa do processo de produção de um trabalho inédito.

"Narciso" por Caravaggio

A arte que escolhi produzir para este evento foi a de um esboço antigo que há muito tempo estava planejando passar para a tela e que considerei bastante adequada para este momento. É uma releitura da obra "Narciso" de Caravaggio, que por sua vez interpreta o mito de Narciso,  que segundo Ovídio, era um jovem grego dotado de extrema beleza, filho do deus-rio Cefiso e da ninfa Liríope,  e que menosprezava as mulheres e homens que se apaixonavam por ele, apenas por não sentir qualquer atração por ninguém. Uma delas, Eco, que o amava, ficou inconformada com a recusa do belo rapaz e clamou aos deuses por vingança. A deusa Nêmesis atendeu e amaldiçoou Narciso a se apaixonar por si próprio. Quando este encontrou o seu próprio rosto refletido num lago, ficou tão encantado com sua beleza que não conseguiu sair mais de lá, definhando até a morte enquanto contemplava sua beleza.

Lista oficial dos artistas participantes do evento e seus respectivos países

"Narciso moderno" por Eduardo Cambuí Junior

Na minha versão, utilizarei os elementos que remetem a obra de Caravaggio (pose, sombras, etc), mas que ao invés do personagem se admirar num lago, ele vê seu próprio rosto na tela de um tablet, sozinho na penumbra do seu quarto, fazendo assim uma clara analogia à hiperexposição e ao exibicionismo digital, tão facilmente observável nas redes sociais pelas selfies que povoam a internet, como se desta forma todos nos transformássemos numa espécie de Narciso moderno, que inclusive é o nome que planejei para esta obra. Este esboço, inclusive, já foi até solicitada a permissão para utilização em livros didáticos da editora SM Educação, na qual estabelecemos um acordo de utilização, o que é mais um motivo considerável para que esta tela fosse produzida logo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será sempre bem-vindo. Assim que for possível, eu retorno!